Labanca se prepara para lançar segundo álbum

Labanca se prepara para lançar segundo álbum

Cantora mineira está em estúdio e, em breve, apresentará ao público mais um trabalho totalmente autoral

Foto: Luiza Ferraz

A cantora mineira Maíra Labanca, conhecida como Labanca, está finalizando a produção do seu segundo álbum, intitulado ID. O trabalho, viabilizado pela Lei Estadual de Incentivo à Cultura, vai trazer 10 canções autorais e conta com a produção de U.Got, produtor responsável pelo álbum de lançamento de Cleo Pires e idealizador e apresentador do programa Música na Mochila, do Canal BIS.

Neste trabalho, a cantora, que começou cantando e compondo jazz, trará as influências de sua vida que vão do pop ao R&B. “Estava com saudade de entrar em estúdio para gravar um álbum novamente. Acho que essa cultura dos singles não combina muito comigo e estou muito feliz com o parceiro que escolhi para produzir esse trabalho. O U.Got tem me dado a mão nesse processo de me conhecer melhor musicalmente e, mais do que autoral, eu desejo que esse seja um álbum autobiográfico”, diz Labanca.

O primeiro álbum de Labanca, lançado em 2015, teve a produção do baixista e produtor PJ, do Jota Quest, e contou com canções autorais, releituras da banda The Killers, Charlie Brown Jr e ganhou composição inédita de Rogério Flausino, PJ e Nelson Mota, conquistando repercussão nacional.

De lá para cá, as músicas de Labanca atingiram milhões de views nas plataformas digitais. Em 2016, produziu canções sob a direção do renomado produtor musical Rick Bonadio. No ano de 2017, apresentou ao público o single “Só Eu E Você” , uma deliciosa balada pop com bit envolvente e sensual, que ganhou ainda mais peso com o rap de Dubeat, que também participa do clipe . Em seguida, lançou o single “Eu Quero Eu Posso” , de autoria da famosa HitMaker, com a produção de Rick Joe, e clipe lançado pelo canal Kondzilla, conquistando milhões de visualizações no Youtube e execuções no Spotify.

Sobre a cantora

Desde pequena, a mineira Maíra Labanca já vivia com um microfone improvisado nas mãos, andando pela casa, numa prenúncia clara de que ali estava uma artista genuína. Aos 9 anos, ingressou no coral da escola e no curso de teatro. Descoberta em um concurso de novos talentos, montou banda de pop rock, flertou com o jazz no início de sua carreira e cantou nos maiores festivais do gênero.

Com a maturidade musical, veio também a certeza de que o que ela queria mesmo era seguir pelos caminhos do Pop. Lançou seu primeiro álbum de forma totalmente independente. Não demorou muito até que o seu som fosse ouvido por Rick Bonadio. Alguns meses depois, com contrato assinado, teve início uma nova etapa de sua carreira, consolidando sua personalidade artística, através de um trabalho consistente e maduro. Labanca segue sua trajetória, construindo uma carreira sólida, própria de uma artista de personalidade marcante e que, desde de sempre, sabia onde queria chegar.

Redes sociais:

Instagram : @__labanca__

http://www.Youtube.com/mairalabanca

maxwelladmin

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *