#ViradaSP Online Peruíbe apresenta shows de Jorge Aragão e Marcelo Falcão transmitidos pela plataforma #CulturaEmCasa

#ViradaSP Online Peruíbe apresenta shows de Jorge Aragão e Marcelo Falcão transmitidos pela plataforma #CulturaEmCasa

Evento deste final de semana enaltece a riqueza cultural da cidade de Peruíbe e transmite diversas atrações ao vivo do Teatro Sérgio Cardoso

A ViradaSP Online deste sábado, 23 de janeiro, iniciativa da Secretaria de Cultura e Economia Criativa do Estado de São Paulo e com gestão da Organização Social Amigos da Arte, será realizada em parceria com a cidade de Peruíbe e irá transmitir, a partir das 12h, diversas atrações ao vivo pela plataforma #CuluraEmCasa. Desta vez, o público poderá conferir as apresentações dos cantores e compositores Jorge Aragão e Marcelo Falcão, transmitidos às 17h30 e 21h, respectivamente, dentre outras atrações. O evento consolidou-se no calendário cultural do estado de São Paulo, reunindo grandes nomes de diferentes linguagens artísticas e divulgando a cultura local das cidades paulistas para todo Brasil. 

(Confira a programação abaixo).

A cidade de Peruíbe foi selecionada a partir de chamada pública realizada por intermédio do programa #JuntospelaCultura e, com as transmissões deste final de semana, o público poderá conhecer um pouco mais da expressiva cultura local de Peruíbe, localizada no litoral sul do Estado de São Paulo. A narrativa da #ViradaSPOnline Peruíbe destacará comunidades indígenas como a Terra Indígena Piaçaguera que abriga doze aldeias, dentre elas a aldeia do Bananal, Reserva da Juréia, comunidade centenária caiçara na qual vivem 40 famílias em uma área de preservação sócio ambiental, projetos de economia sustentável, artistas locais, pontos turísticos, praias e sítios arqueológicos. Na programação estão vídeos com apresentação de Fandango do Grupo Raiz da Juréia, receita de peixe caiçara, além de algumas entrevistas, dentre elas, com o secretário de Turismo, Cultura e Esporte, Edison Almeida que marcará presença durante o evento.

Além de Peruíbe, foram selecionados os seguintes municípios por intermédio do #JuntospelaCultura2020: Araçatuba, Santa Bárbara D´Oeste, Marília, Caraguatatuba, Guaratinguetá, Bauru, Indaiatuba, Itapetininga, Mauá, Presidente Prudente, Rio Grande da Serra, São José do Rio Preto, Sertãozinho e Votuporanga. 

Com a impossibilidade de realizar o evento presencialmente, a Secretaria reformulou a proposta para fazer a Virada SP no formato virtual, de modo a manter o evento.  Em 2020 ano, a primeira foi realizada em parceria com a cidade de Salto. E a segunda com municípios do Vale do Futuro – Iporanga Registro, Apiaí e Eldorado. Além dos artistas locais, os eventos reuniram várias atrações como Elza Soares, Paulo Miklos, Amilton Godoy, Ellen Oléria, Pato Fu, Pitty e Garotos Podres. Também foram realizadas outras  cinco #ViradasSP Online em parceria com as cidades de Rio Grande da Serra, Marília, Santa Bárbara D´Oeste e Araçatuba e Caraguatatuba com participação de artistas como Letrux, as bandas Mato Seco, Pedra Branca, Supla, Benito de Paula, Ana Cañas e Karol Conka, Rolando Bodrin, Roberta Campos, Margareth Menezes, entre outros.

“O formato digital, via plataforma #CulturaEmCasa, permite difundir amplamente e de forma gratuita a produção cultural das mais variadas linguagens de todas as regiões de São Paulo para o restante do Brasil e para outros países, além de apresentar e destacar as características turísticas de cada cidade selecionada no programa #JuntospelaCultura.  E este é o objetivo tanto da #ViradaSP Online como da plataforma”, afirma Danielle Nigromonte, diretora-geral da Amigos da Arte. 

Sobre a plataforma #CulturaEmCasa

A plataforma #CulturaEmCasa foi lançada no dia 20 de abril de 2020 pela Secretaria de Cultura e Economia Criativa do Estado de São Paulo. Seu objetivo é ampliar o acesso da população a conteúdos culturais de qualidade, 100% gratuito. Nos seis primeiros meses, registrou cerca de 2,5 milhões de visualizações e 2 mil conteúdos disponibilizados.  A plataforma reúne também conteúdos inéditos das instituições da Secretaria, entre as quais a OSESP, a Jazz Sinfônica, a Pinacoteca, o Museu da Imagem e do Som, o Museu do Futebol, o Museu da Diversidade Sexual, a São Paulo Companhia de Dança e o Projeto 

Guri. O conteúdo também é gerado por instituições parceiras e por artistas e produtores culturais independentes, que são remunerados pelo licenciamento. Trata-se, portanto, de um instrumento de geração de renda e oportunidades para o setor cultural e criativo de São Paulo. Na plataforma também é possível acessar a programação especial, transmitida em novembro, mês da Consciência Negra. Entre as principais atrações estão o I Festival Cinema Negro em Ação, o lançamento do Museu Itamar Assumpção (MU.ITA), com show de Anelis Assumpção.

Realizado também pela plataforma, o Festival #CulturaEmCasa apresenta lives de artistas representativos da diversidade cultural de São Paulo, como Renato Teixeira, José Celso Martinez Corrêa, Supla, Sérgio Mamberti, Tom Zé, André Abujamra, Cássio Scapin, Erasmo Carlos, o pianista Marcelo Bratke, Paula Lima e Alaíde Costa, Digão (Raimundos), João Suplicy, Lucy Alves e Rodrigo Penna, Dom Salvador e Bavini. 

Há também as lives do Intensivão #CulturaEmCasa. O Intensivão é uma série de aulas e palestras com temas diversos relacionados à arte e à criatividade. Já participaram nomes como Marcelo Tas, Débora Tabacof, Estéfi Machado, Ivam Cabral, Rita Von Hunty e Dona Jacira, Paulo Jackson (do Museu Catavento), Renata Lipia, William Coelho e Rogério Zaghi (Osesp), Moreira de Acopiara, Donny Correia, entre outros. 

Ainda no formato live, a plataforma #CulturaEmCasa também lançou no dia 29 de junho de 2020, o programa #DiálogosNecessários, que reúne pensadores e profissionais de diversas áreas para reflexões plurais com abordagens diversificadas e antagônicas. Os encontros são moderados pelo ensaísta e professor de Literatura João Cezar de Castro Rocha e pelo jornalista Martim Vasques da Cunha. E de setembro a outubro, a plataforma exibiu o #SPGastronomia com lives de renomados Chefs, como André Boccato, Morena Leite e Mohamad Hindi.

Programação:

Virada SP Online – Peruíbe

12h: Terra indígena Peruíbe – Aldeia Bananal

13h: Iara Rennó – Macuna trio

14h30: Duo de voz e violão, com Nanne e Rogério

15h30: Juliar 

16h30: Milton Rodrigues

17h30: Jorge Aragão

19h: Walkiria Panicali

20h: Banda 4 Cilindros

21h: Marcelo Falcão

22h30: Brisa Flow e Banda

23h30: Da Ghama

Serviço:

Plataforma:

www.culturaemcasa.com.br

Redes Sociais:

https://www.facebook.com/culturaemcasasp/
https://www.instragram.com/culturaemcasasp/

maxwelladmin

Um comentário em “#ViradaSP Online Peruíbe apresenta shows de Jorge Aragão e Marcelo Falcão transmitidos pela plataforma #CulturaEmCasa

  1. Hoje em dia a pessoa consegue achar de tudo na internet,
    mas infelizmente as vezes ache também artigos ruins.
    Posso dizer que esse artigo ajudou muito e vou
    compartilhar nas minhas redes sociais.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *