Ópera Através dos Tempos: em lives semanais, projeto apresenta ao grande público trechos marcantes de grandes óperas

Ópera Através dos Tempos: em lives semanais, projeto apresenta ao grande público trechos marcantes de grandes óperas

Em abril, concertos vão do romantismo italiano até o período contemporâneo

Apresentar ao grande público, mesmo àquele não familiarizado com a ópera, os principais estilos de épocas, relembrando trechos de obras marcantes e compositores mais destacados, é um dos objetivos do projeto “Ópera Através dos Tempos”, que tem realizado lives semanais, sempre às segundas-feiras, transmitidas pelo canal Direção Cultura no Youtube e no facebook.

A cada semana, três músicos convidados, experientes cantores de ópera, se revezam em solos, acompanhados de Chiquinho Costa. Pianista correpetidor com doutorado na área pela Universidade Estadual de Campinas (UNICAMP), Costa tem larga experiência em acompanhar cantores líricos em apresentações, ensaios e concursos de canto. As performances são intercaladas por breves comentários sobre a obra e seu enredo, contexto na história e sobre seu compositor e libretista. 

Em abril, serão três apresentações. No dia 5, o período do Romantismo Italiano é mostrado através das óperas de Verdi e Puccini. Os músicos convidados são o baixo-barítono Pepes do Valle, o tenor Antoine Kolokathis e a soprano Karen Stephanie.

Há mais de trinta anos atuando nos principais palcos brasileiros, Pepes do Valle é um dos mais representativos baixo-barítonos do cenário lírico nacional. Com uma respeitável extensão vocal, tem atuações históricas interpretando obras de Rossini, Mozart, Puccini, Wagner, Verdi, Strauss, entre muitos outros compositores, num repertório amplo de aproximados 50 títulos e mais de 60 personagens. 

Antoine Kolokathis, tenor, iniciou seus estudos de canto lírico em Campinas e apresentou-se em inúmeros recitais de canto e piano no interior de São Paulo. Atou como solista (Papageno) na ópera A Flauta Mágica, de Mozart, no Centro de Convivência em Campinas, em 1990. Em 1992, participou como solista da apresentação do poema vocal-sinfônico “Colomb”, de Carlos Gomes, nas comemorações dos 500 Anos do Descobrimento da América, em Campinas e na cidade de Orlando (EUA). Ao longo dos anos, seguiu os estudos com variados professores de técnica vocal.  Idealizador e produtor do projeto “Ópera Através dos Tempos”, é o fundador da Direção Cultura.

A soprano Karen Stephanie, graduada em licenciatura em Música pela Universidade de São Paulo, no campus de Ribeirão Preto, iniciou seus estudos de canto em 2011 e em 2014 recebeu o prêmio de cantora revelação no concurso Carlos Gomes, de Campinas. Com participação em várias óperas, participou também de festivais nacionais e internacionais, como o Fiato al Brasile, na Itália, em 2012, 2013 e 2015.

No dia 12 de abril, o Programa Ópera Francesa e Alemã recebe a soprano Joyce Martins, cantora com passagens pela Itália e Estados Unidos, além de trabalhos com renomados maestros brasileiros e diversos prêmios; a soprano Tatiana Beffa, intérprete de personagens de óperas famosas, com presença em inúmeros recitais, concursos e audições pelo país; e o barítono Johnny França. Vencedor do 12º e 14º Concurso Brasileiro de Canto Maria Callas e do Concurso de Canto Linus Lerner em San Luis Potosi, no México, França é formado pela Academia de Ópera do Theatro São Pedro e Ópera Studio EMESP.

No dia 19 de abril, a última segunda-feira de apresentações, o projeto se encerra com o  Programa de Óperas Contemporâneas (Século XX e XXI). Johnny França retorna ao palco, desta vez ao lado de Pepes do Valle e da soprano Érika Andrade, que tem em seu currículo trabalhos com grandes nomes do cenário musical, atuações como solista, apresentações em orquestras brasileiras, festivais internacionais, e participação no programa Prelúdio da TV Cultura.

O projeto Ópera Através dos Tempos é uma realização da Kalithéa Produções, empresa coligada à Direção Cultura, de Campinas/SP, viabilizado através do ProAC Expresso LAB (Lei Aldir Blanc). As transmissões dos espetáculos gratuitos serão feitas ao vivo, pelos canais do Youtube e Facebook da Direção Cultura, e as transmissões anteriores permanecem disponíveis.

SERVIÇO

Ópera Através dos Tempos

Até 19 de Abril – segundas-feiras

Programação completa e mais informações: www.direcaocultura.com.br

Transmissões: Youtube e  Facebook da Direção Cultura

05/04, às 18h30h – Programa Verdi / Puccini 

• Puccini [Madama Butterfly] – Addio fiorito asil 

• Puccini [Gianni Schicchi] – O mio babbino caro 

• Verdi [Don Carlo] – Ela giammai m’amò 

• Puccini [Turandot] – Non piangere Liù 

• Puccini [La Boheme] – Quando men vo 

• Puccini [Tosca] – E lucevan le stelle 

• Verdi [Macbeth] – Come dal ciel precipita 

• Verdi [La Traviata] – È strano… ah! For’s e lui… Sempre libera 

12/04, às 18h30 – Programa Ópera Francesa e Alemã 

• Massenet [Manon] – Je marche sur tous les chemins… Obeissons 

• Delibes [Lakmé] – Air des colchetes 

• Wagner [Tannhauser] – O du mein holder Abendstern 

• J. Strauss [Die Fledermaus] – Spiel Ich Die Unschuld Vom Lande 

• Meyerbeer [Les Huguenots] – O beau pays 

• Bizet [Carmen] – Votre toast 

19/04, às 18h30 – Programa Ópera séc. XX e XXI 

• Gershwin [Porgy and Bess] – Summertime 

• Kurt Weill [Street Scene] – Let things be like they always was 

• Bernstein [Candide] – Glitter and be gay 

• Ronaldo Miranda [O menino e a liberdade] – As garagens dos ventos 

• Léhar [Giuditta] – Meine Lippen sie küssen so heiss 

• Menotti [The old maid and the thief] – When the air sings of the summer 

• Gershwin [Porgy and Bess] – Bess you is my woman now 

maxwelladmin

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *